Ainda o almoço de aniversário da Emissora das Beiras

26.05.2017 |

 

Realizou-se no passado dia 21 de maio, mais um almoço-convívio da Emissora das Beiras que juntou, num restaurante em Pedronhe, Caramulo, muitos amigos da Rádio vindos de diversos pontos do país e também da Suíça, Londres, França e Estados Unidos da América que igualmente quiseram marcar a sua presença.

A comunicação social local, que tem acompanhado ao longo dos anos a actividade da Emissora das Beiras, também se associou ao almoço. Em particular, o jornal digital O Beirão Online registou os melhores momentos da festa. Bem-haja ZÉ Beirão!

Para ver em:

www.obeirao.net

Festa de aniversário da Emissora das Beiras

sempre  muito animada

 

Como é habitual, a modelar estação de rádio – Emissora das Beiras – que, ao longo dos anos, viu prolongada a sua vida sob outras denominações, realizou a festa, centrada num almoço-convívio, a que assistiram inúmeras pessoas das nossas Beiras e, também, várias famílias emigrantes.

Para animar o excelente almoço, que aconteceu neste último Domingo, dia 21 de Maio, no restaurante de Pedronhe, em plena encosta nascente da Serra do Caramulo, foram convidados e estiveram presentes a animar o repasto, o teclista Jorge Andrade, os cantores Carla Maria, Henrique de Matos, Celso Coelho e Cristina Ardison e ainda a poetisa Filipa Duarte e o também impagável poeta e contador de estórias, Albino Santos Silva.

“Com muito orgulho em Tondela”

Na hora azada, Lopes da Rosa, na qualidade de director de programas, quis saudar todos os presentes, amigos da rádio, que se juntaram naquele espaço que não pode comportar mais gente, mas deixando claro que, a festa anual de Agosto da emissora, ao ar livre, pode comportar centenas de pessoas de toda a região, fieis ouvintes da rádio que, “com muito orgulho está em Tondela” e num belo recanto da Serra do Caramulo.

O consagrado homem da rádio, que cedo rumou o Caramulo, lembraria que ali estariam pessoas do Porto, Manteigas, Arouca, Tondela, Viseu, Mangualde, Carregal do Sal, Tábua, Gouveia, Sernancelhe, Mortágua, Sever do Vouga, Nelas, Londres, Suíça e Estados Unidos.

A rádio na internet e no facebook

Ele quis referir os avanços nas novas tecnologias, com a rádio presente no Facebook, site (jornal digital) e, claro, no “bonito 91.2 FM, na região centro do país”.

Seguiram-se as palavras de circunstância do vereador da Cultura, Pedro Adão, também ele, natural do Caramulo, reforçando a ideia da dedicação daqueles que, diariamente, fazem a rádio, acabando por deixar votos de sucesso para o Lopes da Rosa e Maria Helena.

Ao actuais detentores da empresa “Ao Tom Della (Rádio), Lda.”, proprietária da Emissora das Beiras, como sempre, reuniram amigos convidados numa tarde fantástica, onde se contaram colegas da comunicação social, os autarcas locais, vereadores do Município e o presidente da Câmara Municipal de Tondela, José António de Jesus, não obstante ali permanecer poucos minutos, mas os bastantes para deixar a sua mensagem de saudação a todos os ouvintes e amigos da rádio e aos próprios responsáveis da estação emissora, que honra o concelho de Tondela e a região.

 

“Uma comunicação social

ao serviço dos outros”

José António de Jesus quis “testemunhar a satisfação e a gratidão por termos na nossa região e em particular no concelho de Tondela, um projecto como este e com a longevidade que tem” e mais importante ainda, pelo facto de preencher, diariamente, as vidas de muita gente, lembrando o dia que se vivia, com vários eventos a nível desportivo, como a entrega das faixas de campeão ao Clube Atlético de Molelos e o jogo, mais à tradinha, que ditaria a permanência do Tondela na I Liga.

A rádio, para o autarca, “é a alavanca que representa, na afirmação, no estímulo e projecção de toda a região, a Emissora das Beiras, que tem sido, também, um pilar fundamental na ligação a esse projecto desportivo regional”, desenvolvido pelo Desportivo de Tondela.

“Os projectos, como tudo na vida, são importantes, mas sem pessoas a liderá-los, eles não avançam e é por essa razão que o Lopes da Rosa, a Maria Helena, a Marta Catarina, são de facto, os pilares desta casa e é a eles que se deve a permanência dum projecto com esta força, com esta vitalidade”, sustentou.

O autarca referiu que a sua vinda ali, era, acima de tudo, “um acto de solidariedade e para testemunhar a enorme satisfação e gratidão por termos pessoas tão empenhadas, tão generosas, tão humanas e tão disponíveis, ao serviço dos outros e a comunicação social é, acima de tudo, trabalhar ao serviço dos outros, informando, animando, divertindo, preenchendo tantos dias, tantas tardes e tantas noites, das pessoas que aqui estão, marcando, sempre, de forma muito correcta, com este sentido e este sentimento tão próximo, tão beirão e tão genuíno”.