Combatentes do Ultramar apelam às associações de Tondela para participarem nos funerais das vítimas

15.01.2018 |

A ANCU – Associação Nacional dos Combatentes do Ultramar, com sede em Tondela, está solidária com a direção da Associação Recreativa e Humanitária de Vila Nova da Rainha, onde faleceram, no passado sábado, 8 pessoas e 38 ficaram feridas.

Diz a ANCU em comunicado que “em solidariedade com a Associação de Vila Nova da Rainha, e com as vítimas da tragédia ocorrida na sua sede, a Associação Nacional dos Combatentes do Ultramar apela a todas as associações do concelho para se fazerem representar  nos funerais das vítimas com suas bandeiras, em forma de luto, amanhã, terça-feira, pelas 14h30, em Vila Nova da Rainha.”

Já ao início da tarde de hoje, a Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, na qualidade de representante do Movimento Associativo Popular Português, veio manifestar o seu “mais profundo pesar pelo infeliz acontecimento às famílias dos falecidos e deseja as rápidas melhoras aos feridos”.

Ao mesmo tempo, a Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura recomendava a todas as Associações, Colectividades e Clubes que “manifestem a sua solidariedade com a Associação Recreativa e Humanitária de Vila Nova da Rainha, observando três dias de Luto Associativo Nacional, colocando a Bandeira da Associação a meia haste e que guardem 1 minuto de silêncio em todas as cerimónias ou reuniões que se realizem entre os dias 15 e 17 de Janeiro”.