Exposição Ferrari prolongada até 31 de dezembro

08.11.2017 |

A exposição “Ferrari: 70 anos de paixão motorizada”, no Museu do Caramulo, que tem como tema central os 70 anos da casa de Maranello, e que já foi visitada por mais de 15.000 pessoas, vai ser prolongada até 31 de Dezembro. Esta é a maior exposição dedicada à Ferrari alguma vez realizada em Portugal, juntando um alinhamento de luxo de Ferraris, tanto pela sua raridade como pelo seu valor histórico.
Segundo Tiago Patrício Gouveia, Director do Museu do Caramulo, “a exposição estava planeada terminar no fim de Outubro, mas perto da data de término recebemos inúmeros contactos e pedidos de todo o lado para prolongar a exposição por parte de pessoas e famílias que ainda não tinham tido a oportunidade de a visitar e que não queriam deixar de o fazer. Além disso, continuamos a receber, já mesmo em época baixa, centenas de visitantes, o que significa que o público ainda não está pronto para se despedir da exposição, pelo que foi decidido prolongar a mesma até ao fim de 2017, dando assim uma última oportunidade a todos os que ainda não puderam vir cá apreciar esta alinhamento de estrelas”.
A exposição “Ferrari: 70 anos de paixão motorizada” é composta por diversos modelos únicos e raros, repletos de história, entre eles o Ferrari 275 GTB Competizione, o Ferrari 250 Lusso, o Ferrari 365 Daytona, o Dino 246 GT, o Ferrari F40 ou o Ferrari Testarossa.
O objectivo da exposição é o de contar a história da Ferrari através de modelos das várias décadas da marca, começando logo pelo seu início, com o Ferrari 195 Inter de 1951, actualmente o modelo da casa da Maranello mais antigo em Portugal e o primeiro modelo de turismo da Ferrari a entrar no nosso país.
A exposição estará agora patente no Museu do Caramulo até 31 de Dezembro.

SONY DSC