MUNICÍPIO de São Pedro do Sul PLANTA MAIS DE 100 MIL ÁRVORES NO CONCELHO

15.11.2017 |

A Câmara Municipal de São Pedro do Sul abriu o concurso público para a reflorestação do território afetado pelo incêndio de agosto de 2016.
Esta intervenção, que representa um investimento de 215 mil euros, pertence a uma candidatura efetuada para estabilização de emergência na área das freguesias de Manhouce, Sul, União de Freguesias de S. Martinho das Moitas e Covas do Rio e ainda no baldio de Dianteiro na União de Freguesias de Santa Cruz da Trapa e S. Cristóvão de Lafões.
Numa área global de 95 hectares serão plantadas mais de 105 mil espécies folhosas, tais como carvalhos, castanheiros e bétulas, em locais que apresentem mais potencial, com menos inclinação e mais solo.
Estas medidas de estabilização de emergência têm como objetivo “a recuperação das infraestruturas florestais, evitar a degradação dos recursos naturais e a perda da biodiversidade”.