Aeródromo de Viseu com aumento superior a 600 voos em 2019

13.01.2020 |

Mais voos, mais movimentos, mais pessoas embarcadas. São estes alguns dos indicadores relativos a 2019 do Aeródromo Municipal Gonçalves Lobato, em Viseu, que, segundo uma nota da autarquia, “confirmam o percurso de crescimento daquela infraestrutura aeroportuária nos últimos 5 anos”.

Comparando com os dados de 2018, o aeródromo municipal registou no ano passado mais 604 voos, mais 813 movimentos, mais 1.939 pessoas embarcadas, mais 254 pessoas desembarcadas, mais 74 desembarcados no voo regional e 130 embarcados.

De destacar também o aumento, quase para o dobro, do número de voos noturnos – passou de 18 para 33.

Referir também o aumento considerável do número de voos de emergência pelo INEM – aumentou 123% -, a que não é alheio o facto daquela aeronave estar estacionada desde outubro em Viseu, a pedido do Instituto Nacional de Emergência Médica.

Os trabalhos de requalificação e qualificação efetuados, assim como o espaço aéreo livre com informação de voo, taxas inferiores a outros aeroportos, e combustível para avião a jato mais barato – e o único entre Lisboa e o Porto -, fazem de Viseu a porta de entrada preferida de muitos, quer no país, quer no estrangeiro.

A Proteção Civil ganhou também centralidade junto ao aeródromo por força da instalação do novo quartel dos Bombeiros Sapadores de Viseu. Com esta base operacional presta-se um maior apoio às ações de proteção e socorro coordenadas pela Autoridade Nacional de Proteção Civil, assim como um apoio operacional aos voos regulares de passageiros.

Foto: centronoticias.com