Associação Nacional dos Combatentes do Ultramar assinala em Tondela 38 anos de vida

14.09.2020 |

A ANCU – Associação Nacional dos Combatentes do Ultramar, com sede em Tondela, depositou este domingo, dia 13 de setembro, um ramo de flores, junto ao Monumento dos Combatentes, em Tondela.

O gesto simbólico marcou também os 38 anos de vida daquela associação, que viu ser aprovado recentemente o “estatuto do combatente”, considerado “pobre” por parte dos seus responsáveis.

A cerimónia serviu igualmente para lembrar, mais uma vez, os mortos em combate do concelho de Tondela que foram 49 combatentes da guerra colonial.

Entretanto, a todos os combatentes, será atribuído um “cartão de antigo combatente”, em cor preto carregado e por baixo, a menção “titular de reconhecimento da nação”. Entre outras “regalias”, estão a isenção de taxas moderadoras, a gratuitidade do passe intermodal dos transportes públicos das áreas metropolitanas e comunidades intermunicipais, assim como o acesso gratuito a museus e monumentos nacionais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.