Diretor do “Centro Notícias” apresenta queixa contra autarca de Nelas

09.05.2017 |

O diretor do jornal “Centro Notícias”, José Miguel Silva, apresentou uma queixa na Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) contra o presidente da Câmara de Nelas por “violência” e por colocar em causa “direitos fundamentais”.
A queixa foi remetida à ERC esta segunda-feira, reportando-se à última reunião do executivo da Câmara de Nelas, que ocorreu na passada sexta-feira.
“Fui alvo, de forma vil e atroz, do presidente da Câmara Municipal de Nelas, José Borges da Silva, em plena reunião pública de Câmara. O autarca atentou violentamente contra a liberdade de imprensa, quando eu estava a fazer registos fotográficos da reunião”, alegou.
Na participação, José Miguel Silva, que tem carteira de jornalista equiparado, descreve que o autarca o agrediu no braço, atirando para o chão o dispositivo com que estaria a fazer fotografias.
Contactado pela agência Lusa, o presidente da Câmara de Nelas, Borges da Silva, rejeitou as acusações, acrescentando que o seu autor “está a ser tudo, nesta pré-campanha em Nelas, menos jornalista”.
“Está ao serviço do candidato do CDS-PP e basta ver o blogue e o jornal dele: ele não participa nas coisas como jornalista, mas como mandatário e diretor de campanha”, sustentou.
De acordo com o autarca, José Miguel Silva exerce em Nelas as funções de jornalista equiparado, mas “faz uma coisa muito perigosa e proibida, que é angariar publicidade”.
“Toda a gente no concelho de Nelas já foi contactada por José Miguel Silva para angariação de publicidade. Inclusive, em janeiro, enviou-me um email onde dava nota que o preço da publicidade para uma página seria de 600 euros mais IVA”, concluiu.
O “Centro Notícias” é um jornal impresso e digital que tem como área de ação os concelhos de Nelas e Carregal do Sal.