Festival Tom de Festa arranca quarta-feira em Tondela

11.07.2017 |

O festival Tom de Festa vai levar a Tondela “o que de melhor se faz na área da música”, propondo também apresentações de livros e discos, exposições e diversificadas experiências gastronómicas em quatro dias.
Segundo a ACERT -Associação Cultural e Recreativa de Tondela, que organiza o evento, este Tom de Festa vale pelo seu todo e pela diversidade. Vai do fado ao ‘funk’ e até passa pelo ‘Tom de Filmes’, que foi criado especificamente para o festival. As bandas sonoras de filmes servem de mote a esta aventura musical que junta 140 músicos em palco, da Casa do Povo de Tondela e à Sociedade Filarmónica Tondelense”.
A 27.ª edição do Tom de Festa, um dos mais antigos festivais de músicas do mundo, arranca esta quarta-feira, dia 12 de Julho, decorrendo na cidade de Tondela até sábado.
Na quinta-feira, sobem ao palco os Três Tristes Tigres, que a organização vê como sendo “um regresso muito desejado” e que “será muito procurado pelo público”.
No dia seguinte, a “Queima do Judas” será celebrada através do repertório musical que lhe tem dado vida nos últimos anos e que servirá também para homenagear um dos seus líderes musicais, Fran Pérez, que faleceu no último ano.
Destaque ainda para “um espetáculo muito marcante”, que será levado ao palco, no sábado, pela companhia teatral Chévere. A opereta intitulada ‘Annus Horríbilis’ já tinha sido apresentada em Tondela e regressa 25 anos depois, numa altura em que a companhia espanhola assinala 30 anos.
O público terá ainda a oportunidade de assistir à apresentação de três discos: Cachupa Psicadélica, na quinta-feira, Luca Argel na sexta e The Drowning Bride no sábado.
A gastronomia terá também lugar de destaque no festival, tendo sido convidados quatro parceiros para, em cada dia, mostrarem o que de melhor sabem confecionar.
Uma das novidades deste ano é o lançamento de uma pulseira que se cola no pulso e que dará acesso aos quatro dias do festival pelo valor de cinco euros.

Comments are closed.