Lamego: PJ detém agricultor suspeito de atear incêndio

14.07.2022 |

Um agricultor de 53 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) por ser suspeito de ter ateado um incêndio numa área florestal de Lamego, no passado domingo.

Em comunicado hoje divulgado, a PJ refere que as chamas consumiram “área de mancha florestal constituída, maioritariamente, por mato, e área agrícola constituída por plantação vinícola, olival e outras árvores de fruto”.

“O incêndio colocou em perigo a mancha florestal e a área agrícola, bem como várias habitações, de valor consideravelmente elevado, que apenas não foram consumidas devido à rápida intervenção dos bombeiros”, acrescenta.

A identificação e detenção do suspeito foi feita pela PJ, através do Departamento de Investigação Criminal de Vila Real.

Depois de presente a interrogatório judicial, o agricultor ficou em prisão preventiva.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.