Município de Viseu apresenta novo website

12.01.2021 |

O Município de Viseu dispõe, a partir de agora, de um sítio na Internet que permite uma navegação mais intuitiva e que disponibiliza mais de 5.300 ficheiros, entre documentos e fotografias.

“É uma ferramenta indispensável na nossa relação com os munícipes”, disse aos jornalistas o presidente da Câmara de Viseu, Almeida Henriques.

O autarca realçou que, apesar de a morada se manter igual (www.cm-viseu.pt), há “um conjunto de melhorias, desde logo na acessibilidade, na navegabilidade e na organização e disponibilização de conteúdos”.

Este é “mais um passo na modernização dos serviços e no reforço da interação digital para com a comunidade” que, na sua opinião, “mais do que nunca se justifica”, atendendo à pandemia da Covid-19, que leva a que se privilegie outro tipo de contacto que não o presencial.

Segundo Almeida Henriques, “só na última semana, dos 4.300 utilizadores, cerca de 3.000 foram novos visitantes”, o que demonstra que “a apetência por estas ferramentas é cada vez maior”.

O site passa a ter uma “teia mais organizada” no que respeita aos conteúdos e agrega “todos os sites e portais do universo municipal”, nomeadamente Águas de Viseu, Viseu Novo – Sociedade de Reabilitação Urbana, Mobilidade Urbana de Viseu ou Visit Viseu, frisou.

O autarca disse ainda que este é “um trabalho que nunca estará terminado” e que se pretende que vá sendo melhorado com os contributos da comunidade.

O vereador da Cultura, Património e Marketing Territorial, Jorge Sobrado, explicou que é possível aceder às “esmagadora maioria da informação com apenas três cliques”.

Jorge Sobrado contou que a conceção, desenvolvimento e gestão do site – que representou um investimento de cerca de 20 mil euros – ficou a cargo do município.

Os próximos passos passam por criar uma versão em inglês, o que deverá acontecer até ao final do primeiro trimestre deste ano, acrescentou.

No último ano, cerca de 88% dos visitantes do site eram oriundos de Portugal, seguindo-se os do Brasil, os da França e os dos Estados Unidos da América.

Esta notícia terá o seu desenvolvimento alargado nos próximos blocos informativos da Emissora das Beiras.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.